Obstetrícia

especialidade-obstetrícia.jpg (26 KB)

É a especialidade da medicina que cuida do momento mais especial da vida da família, desde o desejo de gestação até o momento do parto, assim como o período subsequente a ele."

A orientação adequada do obstetra é o segredo de uma gestação saudável.

Até recentemente, as informações prestadas no pré-natal eram técnicas e informavam tudo sobre a gravidez, desenvolvimento fetal, vacinas, exames de sangue, tipo de parto, mas referiam-se à pessoa da gestante como se ela fosse apenas uma barriga.

Além dos conhecimentos técnicos, a grávida também precisa de um outro olhar. As mudanças hormonais da gestação, as modificações físicas, o seu modo de pensar e reagir, que provocam uma revolução no seu ser, devem ser considerados.

Check-up pré -concepcional

O obstetra se interessa pelos antecedentes familiares, pessoais e a história atual da paciente.

  • Se presentes, como diabetes, pressão arterial aumentada, depressão, transtornos endócrinos , podem causar problemas na gravidez. Havendo alguma patologia, o tratamento pode ser modificado antes do início da gestação. É relevante o conhecimento de cirurgia prévia, o tipo de anestesia usado, se a paciente é alérgica a algum medicamento ou alimento.
  • Além disso procura-se saber sobre seus hábitos de vida. A orientação de um geneticista é bem vinda se na família já existirem pessoas com alguma doença genética. A partir dos 35 anos além da citologia do colo uterino (papanicolaou) uma propedêutica completa da mama deve ser realizada.
  • A mulher nos seus anos reprodutivos deve ter imunizações como parte da rotina. Vacinas como rubéola, tétano, difteria, coqueluche, catapora, hepatite A e B, gripe, pneumocócica e de HPV devem ser pesquisadas como forma dos cuidados preventivos.

Uma nova vida: O nascimento de um filho é sem dúvida uma dádiva do criador à criatura… É a certeza de que Ele continua acreditando no ser humano!

Mais Informações

Nos Estados Unidos , o serviço de drogas e alimentos (FDA) classifica os medicamentos em categorias:

  • A e B - Podem ser utilizados na gravidez
  • C e D- Depende do risco (benefício materno-fetal)
  • X - Deve ser evitada durante a gravidez

Últimas Novidades